As landing pages são páginas que direcionam os visitantes para uma única ação, que pode ser uma compra, um download, um compartilhamento ou uma assinatura de newsletter. Elas são fundamentais para melhorar a taxa de conversão de um site, já que representam o passo decisivo entre a vontade do público e a necessidade de uma marca em cumprir aquele objetivo projetado.

como-usar-landing-pages-para-otimizar-a-taxa-de-conversao-do-seu-site

Nas estratégias de marketing digital, as landing pages são muito usadas para fazer a primeira conversão de um visitante em lead e a posterior qualificação desses leads ao longo do funil de vendas. Isso porque mais do que apenas induzir visitantes a converter, elas contam com formulários que captam dados importantes dessas pessoas, como nome, e-mail, profissão, interesses pessoais e outras informações que ajudam a manter e a melhorar o relacionamento com esse mesmo público.

Se você se interessou nos resultados que essa ferramenta pode produzir, continue acompanhando este artigo e veja o que você pode fazer para criar Landing Pages que aumentarão a sua taxa de conversão.

Não crie mais que um caminho para os visitantes

É imprescindível que em uma landing page os visitantes não percebam que há outro caminho para eles dentro do site senão a conversão — ou fechar a página. Os únicos links disponíveis devem ser os dos seus botões CTAs (calls to action), que, aliás, podem ser posicionados em mais de um lugar no layout. Isso ajuda a reforçar a ideia de o público realizar a ação planejada ao invés de se distrair e continuar navegando por outras áreas do site.

Seja objetivo e escreva o que for de interesse do público

A landing page é uma página que deve ter um consumo rápido, não pode deixar os visitantes cansados ou muito pensativos com a leitura. Por isso, seja direto e econômico com os seus textos (prefira tópicos), imagens e vídeos. O conteúdo deve focar na apresentação da oferta e dos seus benefícios. Assim, as pessoas entendem rapidamente o que têm a ganhar e tomam suas decisões sem muitos rodeios.

Não exagere nos formulários

Os campos de preenchimento nos formulários devem ser condizentes ao peso do produto ou material ofertado. As pessoas só deixarão informações mais importantes e pessoais se elas sentirem que a oferta é compensadora, como um e-book, um webinar ou um período de teste de uma ferramenta; bem como não terão paciência para preencher muitos espaços em troca de iscas mais simples, como um infográfico ou a assinatura de uma newsletter.

Ofereça provas sociais

Você, como consumidor, provavelmente já deu uma conferida na opinião de outros clientes antes de comprar um produto, não é verdade? Então, essa lógica também pode ser aplicada em suas landing pages. Você pode incluir, por exemplo, depoimentos de pessoas que converteram aquela oferta, reviews sobre ela, número de downloads e outras provas que ajudem o público a tomar uma decisão mais segura.

Mensure e faça testes constantemente

O trabalho de otimização de Landing Pages deve ser frequente. Para isso, é importantíssimo acompanhar o desempenho da sua única métrica: a taxa de conversão. É ela quem define se suas páginas estão cumprindo as metas.

De todo modo, vale fazer testes A/B para entender como os elementos das suas Landing Pages influenciam na decisão do público. Experimente trocar cores e títulos, inserir ou remover uma imagem, reduzir ou aumentar os formulários, etc.

As Landing Pages são ferramentas visualmente simples, mas que têm um papel valioso para as conversões em seu site. Sua criação e gestão não precisam ser nada complexas, basta ser claro em sua proposta de valor, não dar chances para os visitantes realizarem outras ações e acompanhar de perto as suas performances. Não que essas práticas sejam como uma receita para o sucesso, mas certamente ajudarão você a otimizar os seus resultados.

Além das Landing Pages, outra boa forma de melhorar a sua taxa de conversão é fazendo uma análise do seu site com a nossa ferramenta Publico Analyzer. Por meio dela, você saberá como tornar seu site uma máquina de atração de visitantes, conversão de leads e fechamento de novos clientes.


Deixe um comentário