Se sua empresa decidiu investir em uma estratégia de Inbound Marketing recentemente, é normal que hajam dúvidas sobre as melhores práticas para atrair o seu público-alvo e conquistar resultados.

E, por ser uma novidade no mercado, muitos profissionais de marketing acabam cometendo alguns erros ao criar seu planejamento.

Para que isso não aconteça com você, vamos mostrar cinco erros mais comuns que podem prejudicar seus resultados. Confira!

os-principais-erros-em-uma-estrategia-de-inbound-marketing

1. Não ter objetivos claros

Assim como em qualquer estratégia de marketing, é preciso definir um objetivo claro ao iniciar o seu planejamento de Inbound.

Sem definir um objetivo, suas ações poderão ser desconexas, confundindo o visitante do seu site e prejudicando a percepção de sua marca.

Com isso, são grandes as chances de sua empresa ter dificuldades em reconhecer a importância do Inbound Marketing no futuro, pois não terá conseguido ver os resultados gerados.

Entre os objetivos mais comuns para uma estratégia desse tipo estão: aumento do tráfego de um site, educar o cliente, melhorar a imagem da marca e gerar leads.

Cada uma dessas metas exige ações específicas, que só poderão ser alcançadas por meio de uma estratégia desenvolvida a partir de objetivos claros e mensuráveis.

2. Esperar resultados imediatos

Ao investir em uma estratégia de Inbound Marketing, é preciso saber que os resultados serão gerados no médio e no longo prazo. Portanto, não adianta esperar um aumento de tráfego logo nas primeiras publicações. É preciso ter paciência para colher os resultados.

Por isso, é muito importante que sua empresa invista em outras táticas juntamente com o Inbound Marketing, que possibilitem aumentar o alcance da marca, gerando resultados até que sua estratégia de Inbound comece a surtir efeitos.

3. Falar apenas de sua empresa

O objetivo de qualquer estratégia de Inbound Marketing é atrair clientes em potencial por meio da oferta de conteúdos que sejam relevantes. Isso envolve esclarecer suas dúvidas e educá-lo para conquistar suas metas. No decorrer dessa jornada é essencial guiar o mesmo em cada etapa do funil de vendas, até que esteja pronto para realizar uma compra.

Por isso é um erro produzir conteúdo para falar apenas de sua empresa, seus produtos e seus diferenciais do mercado. Este tipo de conteúdo é importante apenas para quem já está no fundo do funil de vendas, mas é ineficaz para conquistar novos clientes.

Se você deseja realizar novos negócios, o ideal é que produza conteúdo de qualidade, criado para atender os interesses do seu público-alvo.

4. Subestimar o Inbound Marketing

Um erro muito comum em uma estratégia de Inbound é produzir conteúdo por um tempo e depois interromper a criação de novos materiais. Ou ainda, produzir material apenas para atender uma demanda específica.

Para que sua estratégia seja eficiente é preciso que haja um esforço constante na produção de conteúdo para o seu cliente.

Com isso, você fará com que o cliente sinta a necessidade de acompanhar as suas atualizações, gerando uma relação de confiança.

5. Não medir os resultados

O Inbound Marketing é uma estratégia capaz de gerar bons resultados para sua empresa. Porém, sem acompanhar de perto o desempenho da estratégia, sua empresa não terá como saber se os objetivos propostos foram atingidos, quais aspectos de sua campanha podem melhorar, e os pontos que merecem mais atenção para otimizar suas metas.

Levando todos esses fatores em consideração, é muito importante que você monitores regularmente o volume de tráfego, número de leads gerados e a quantidade de clientes conquistados por sua estratégia.

Acompanhando as principais métricas de marketing digital sua estratégia irá gerar resultados ainda melhores.

Gostou deste artigo? Curta a página da Publico Digital no Facebook e tenha acesso a várias dicas para otimizar a estratégia de Inbound Marketing de sua empresa.


Publico Digital

Publico Digital

Uma agência de Marketing Digital com foco em Inbound Marketing, especializada em atrair visitantes e convertê-los em leads e consumidores.


Deixe um comentário